• Remédios caseiros para aliviar os gases incluem tomar probióticos, fazer exercícios e usar óleo de hortelã-pimenta.
  • O gás acontece quando os alimentos parcialmente digeridos fermentam no intestino grosso e produzem bolhas de ar.
  • Remédios à base de ervas como cominho, erva-doce e cravo podem ajudar na digestão e reduzir os gases.
remédios caseiros para aliviar os gases

O gás é um componente normalmente presente no seu sistema digestivo. Na verdade, a maioria das pessoas solta gases cerca de 14 vezes por dia. Mas, em alguns casos, um excesso de gases pode se acumular em seus intestinos e você pode sentir inchaço ou cólicas estomacais.

Na maioria das vezes, os gases desaparecem sem tratamento , mas se você estiver procurando por um alívio mais rápido, existem vários métodos que você pode tentar em casa para aliviar seus sintomas.

Como eliminar gases?

Você deve estar se perguntando como eliminar gases de forma natural, sem precisa recorrer a remédios. Neste artigo, vamos te dar várias dicas. Continue lendo.

Médico Especialista que trata gases e inchaço na barriga

O médico que trata gases e inchaço é o Gastroenterologista.

Dr Diego Baima é médico especialista nesse área, com mais de 17 anos de experiência na área. Ele já ajudou mais de 19.000 pacientes.

O site Doctoralia é excelente para você ver avaliações sobre um médico gastro em Fortaleza.

O Dr Diego é o Médico Gastroenterologista muito bem avaliado com o Doctoralia. Hoje ele atende no seu próprio Consultório.

Como os gases se formam?

Existem três maneiras principais pelas quais o gás entra em seu sistema digestivo:

1. Digestão dos alimentos: o gás é criado quando as bactérias que vivem no intestino grosso decompõem certos alimentos. Os carboidratos, em particular, demoram mais para serem decompostos e podem atingir o intestino grosso sem serem totalmente digeridos. Esses alimentos parcialmente digeridos ficam no intestino grosso e passam por um processo de fermentação que produz bolhas de ar, que saem como gás. 

2. Engolir ar: O gás também pode entrar no trato digestivo quando você engole ar enquanto come e bebe. Você pode engolir ainda mais ar do que o normal ao mascar chiclete, beber refrigerantes ou fumar .

3. Intolerância alimentar: você também pode ter mais problemas com gases se tiver algum tipo de intolerância alimentar, diz Dr Diego Baima, doutor em Gastroenterologia pela USP. “Um bom exemplo disso é quando as pessoas têm intolerância à lactose”, diz Dr Diego. “Parte do açúcar do leite não é completamente absorvido, por isso é usado com alegria pelas bactérias para produzir gás”.

Em alguns casos, o gás pode sair do seu sistema sem problemas, mas se você estiver lutando contra o inchaço ou a dor causada por gases, tente um dos métodos abaixo, apoiados pela ciência, para obter alívio.

1. Considere tomar probióticos

Os probióticos podem ajudar a reduzir os gases e aliviar o desconforto estomacal causado pelo excesso de gases. Embora nem todos os probióticos sejam criados iguais.

“Existem tantos tipos diferentes de probióticos que pode ser difícil identificar o produto certo para a pessoa certa”, diz Staller. No entanto, a pesquisa indica que a cepa Bifidobacterium pode ser útil.

Em um pequeno estudo de 2020 , os participantes consumiram uma dieta rica em fibras para induzir gases nos primeiros três dias. Então, durante os próximos 28 dias, eles adicionaram meia xícara de produto lácteo probiótico contendo Bifidobacterium animalis duas vezes por dia com sua dieta regular. Eles então ingeriram a mesma dieta rica em fibras por três dias no final do estudo.

Os resultados mostraram que, após quatro semanas de alimentação probiótica, os participantes tiveram uma reação muito menos severa à dieta rica em fibras, sentindo-se menos inchados e soltando gases menos vezes durante o dia.

Stellar concorda que, para pessoas que desejam alívio do excesso de gases, os probióticos contendo Bifidobacterium provavelmente serão os mais eficazes.

2. Faça Exercícios

A pesquisa mostra que o exercício pode ajudar a diminuir a sensação de estar inchado . Isso ocorre porque, quando você se exercita, seus intestinos são estimulados a mover os gases mais rapidamente pelo sistema digestivo .

Alguns dos exercícios mais eficazes para ajudar a aliviar os gases incluem:

3. Posições de Ioga

Certas poses de ioga podem ajudá-lo a liberar gases e aliviar seus sintomas. Mais pesquisas são necessárias, mas estudos mostram que a ioga pode ajudar com alguns sintomas da síndrome do intestino irritável (SII) . Dois exemplos de poses de alívio de gás são:

Postura de criança

  1. Comece ajoelhado no chão com os dedões dos pés tocando atrás de você e os joelhos afastados na largura do quadril. 
  2. Sente-se sobre os calcanhares e dobre os joelhos para a frente, deixando a cabeça cair. 
  3. Estique os braços para a frente para colocar as mãos no chão

Alongamento Sentado

  1. Comece sentando no chão com a perna direita dobrada em uma posição de pernas cruzadas. 
  2. Cruze a perna esquerda sobre o joelho direito e coloque o pé no chão para que o joelho esquerdo aponte para cima. 
  3. Vire suavemente o corpo para o lado esquerdo e prenda o cotovelo direito na parte externa do joelho esquerdo. 
  4. Repita no lado oposto.
  5. Você pode encontrar um guia mais abrangente de poses de ioga úteis para a digestão aqui 

3. Experimente o óleo de hortelã-pimenta

Há evidências de que o óleo de hortelã-pimenta pode melhorar os sintomas da SII, como constipação, diarreia, inchaço e excesso de gases. Isso ocorre porque a hortelã-pimenta tem qualidades antiespasmódicas , o que significa que impede o cólon de ter contrações musculares involuntárias que podem contribuir para o desconforto gastrointestinal.

Uma revisão de 2014   descobriu que, em 9 estudos, os pacientes com SII que tomaram óleo de hortelã-pimenta tiveram uma melhora significativa em suas dores de estômago, em comparação com outros participantes.

Você pode obter o óleo de hortelã-pimenta em cápsulas e tomar cerca de uma hora antes de comer uma refeição. 

4. Aplique calor

Usar uma almofada de aquecimento pode ajudar a relaxar os músculos abdominais e aliviar a dor. 

Em um pequeno estudo de 2011 , mulheres que sofriam de constipação aplicaram compressas térmicas em seus abdomes. Os pesquisadores descobriram que as almofadas de aquecimento tornaram a dor de estômago mais confortável e também concluíram que podem melhorar a função GI ao estimular o sistema nervoso parassimpático, que preside as funções de ” descansar e digerir “.

Outro pequeno estudo de 2015 fez com que mulheres que usavam laxantes para constipação aplicassem calor em seus estômagos por 5 horas diárias. Os pesquisadores descobriram que melhorou sua qualidade de vida e frequência de evacuações.

Embora esses estudos não tenham avaliado especificamente a dor causada por gases, Staller diz que “muitos dos meus pacientes com excesso de gases e inchaço se sentem melhor quando colocam uma almofada de aquecimento contra o abdômen”.

5. Massageie sua barriga

Fazer uma massagem suave no estômago pode aliviar o desconforto, relaxando os músculos do estômago e ajudando as fezes e os gases a se moverem pelo sistema digestivo. 

Deitado de costas, mova as pontas dos dedos em movimentos circulares, massageando a região abdominal no sentido horário. 

6. Tome um chá de ervas

Beber uma xícara de chá quente pode ajudar a aliviar a dor de estômago relacionada aos gases. Estas ervas são mais associadas ao alívio de gases:

  • Hortelã-pimenta: assim como você pode suplementar com óleo essencial de hortelã-pimenta, também pode obter benefícios ao fazer chá com as folhas. Beber chá de hortelã-pimenta pode melhorar a digestão e relaxar os músculos para permitir a passagem do gás.
  • Gengibre: descobriu-se que este rizoma acelera a digestão entre o estômago e os intestinos, o que pode ajudar a aliviar gases, inchaço e a pressão estomacal resultante . Também pode ajudar a acalmar a náusea, que alguns podem sentir junto com os gases.
  • Camomila: De acordo com uma revisão de 2010 , esta planta calmante pode ajudar a relaxar os músculos digestivos e a dissipar os gases dolorosos.
  • Erva-cidreira: Esta erva da família da menta tem efeitos anti-inflamatórios e antiespasmódicos , e é um remédio herbal comum para tratar gases e dores de estômago – embora faltem evidências científicas suficientes.

8. Experimente a semente de erva-doce

As folhas, bulbos e sementes de erva-doce são usadas em todo o mundo para uma série de doenças, incluindo flatulência , dor de estômago e inchaço. De fato, na Índia, as sementes de erva-doce costumam ser oferecidas após as refeições para ajudar na digestão. São ótimas opções a atuam como remédios caseiros para aliviar os gases.

De acordo com uma revisão de 2014 , o funcho tem propriedades antiespasmódicas e pode ajudar a aliviar dores de estômago e cólicas.

As sementes de erva-doce também são ricas em fibras, o que pode estimular movimentos intestinais saudáveis ​​e, assim, aliviar os gases aprisionados.

Experimente comer uma colher de chá de sementes de erva-doce ou fazer chá mergulhando as sementes em água fervente.

9. Terapia

A saúde mental é fundamental para um bom funcionamento do seu trato digestivo.

Gastroenterologista e Hepatologista em Fortaleza

Fonte:

https://www.insider.com/guides/health/how-to-get-rid-of-gas

https://www.tuasaude.com/sintomas-de-gases/

ÚLTIMOS POSTS

Hepatite crônica: 5 coisas que você precisa saber

Hepatite crônica: 5 coisas que você precisa saber

Hepatite Crônica é grave? Esta é uma doença que pode causar um choque emocional para muitas pessoas. Ela é uma inflamação persistente...
Read More

Hepatite C: Tudo o Que Você Precisa Saber

A hepatite C é uma infecção viral que afeta o fígado e representa um sério problema de saúde pública global. Causada pelo...
Read More

Pólipos Gástricos: É Perigoso?

Pólipos Gástricos – também chamados de pólipos estomacais – são massas de células que se formam no revestimento interno do estômago. Esses...
Read More
H Pylori: Sintomas, Diagnóstico e Tratamento

H Pylori: Sintomas, Diagnóstico e Tratamento

Helicobacter pylori (H pylori) é uma bactéria que infecta o estômago e o duodeno de muitas pessoas ao redor do mundo. Esta...
Read More
Fígado na Gravidez: 6 coisas que você precisa saber

Fígado na Gravidez: 6 coisas que você precisa saber

As alterações de fígado na gravidez são uma área de grande interesse e importância na medicina, uma vez que o fígado desempenha...
Read More
O que é Gastroenterologia?

O que é Gastroenterologia?

A Gastroenterologia é um campo da medicina que se concentra no sistema digestivo e seus distúrbios. Ela lida com doenças que afetam...
Read More
Doença de Crohn: o que é?

Doença de Crohn: o que é?

Doença de Crohn é uma doença inflamatória crônica que afeta o trato gastrointestinal. Embora possa ocorrer em qualquer parte do sistema digestivo,...
Read More
Esofagite Eosinofílica

Esofagite Eosinofílica

Esofagite Eosinofílica é uma doença inflamatória crônica do esôfago que vem ganhando atenção crescente Caracterizada pela presença de eosinófilos em número elevado...
Read More
Disfagia (Dificuldade para Engolir)

Disfagia (Dificuldade para Engolir)

Disfagia é um termo médico que significa dificuldade para engolir. A disfagia pode ser uma doença dolorosa. Em alguns casos, é difícil...
Read More
Intolerância a Lactose: será que eu tenho?

Intolerância a Lactose: será que eu tenho?

Intolerância à lactose é a incapacidade de digerir a lactose, um açúcar encontrado no leite e nos produtos lácteos Os sintomas variam...
Read More
11 alimentos bons para o fígado saudável

11 alimentos bons para o fígado saudável

O fígado faz parte do sistema de desintoxicação natural do corpo, que ajuda a filtrar as toxinas.  Os alimentos que auxiliam na...
Read More
Doença Diverticular e Diverticulite

Doença Diverticular e Diverticulite

A doença diverticular é uma condição onde pequenas bolsas, chamadas divertículos, se formam nas paredes do intestino. A Diverticulite ocorre quando os...
Read More
Hiperplasia Nodular Focal no Fígado

Hiperplasia Nodular Focal no Fígado

A hiperplasia nodular focal é um nódulo, ou lesão benigna, que se forma no fígado. Esses nódulos não são câncer. É mais...
Read More

Gastroenterologista Online – Agende Sua Consulta

Marque Sua Consulta com o Gastroenterologista Telemedicina Agora você pode marcar uma consulta online com gastroenterologista de onde você estiver. Melhor Gastroenterologista...
Read More
Gases Embaixo da Costela Esquerda

Gases Embaixo da Costela Esquerda

Você já acordou no meio da noite com uma dor tão forte na região da barriga, do lado esquerdo, que te fez...
Read More
Hepatologista: o que faz esse médico?

Hepatologista: o que faz esse médico?

Dr Diego Baima - Médico Hepatologista AGENDAR CONSULTA AGORA Médico Do Fígado é conhecido como Hepatologista Agendar Consulta com Médico do Fígado...
Read More
Consultar com um Gastroenterologista

Consultar com um Gastroenterologista

Dr Diego Baima - Médico Gastroenterologista AGENDAR CONSULTA AGORA O Gastroenterologista é o Médico especialista em Intestino e Estômago. Ele trata também...
Read More
Como Encontrar o Melhor Médico do Intestino

Como Encontrar o Melhor Médico do Intestino

Marque Sua Consulta com o Médico de Intestino A gastroenterologia é uma área médica que se concentra na saúde do sistema digestivo,...
Read More
Médico do Intestino: quando procurar?

Médico do Intestino: quando procurar?

Marque Sua Consulta com o Médico de Intestino Quando você deve procurar um médico para intestino? Melhor Médico para Intestino? Dr Diego...
Read More

Hepatologista Online – Agendar Consulta Agora

Marque Sua Consulta com o Hepatologista Online Você pode agendar uma consulta online com Hepatologista de qualquer lugar que você estiver. Hepatologista...
Read More
1 2 3

4 respostas

  1. Olá . Para quem está com prisão de gás no intestino e não sentir melhoras depois de passar no médico , o melhor remédio caseiro é você deitar com o peito para cima e fazer o exercício abdominal com as pernas ao invés do tronco. Depois disso , faça o aquecimento da barriga até a cintura. Pegue lençóis, travesseiros , seja agressivo no aquecimento, ajuda muito. Ah e não esqueça do principal. Pedir ajuda a Jesus .

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *